As empresas de distribuição e a Responsabilidade Socioambiental

A responsabilidade socioambiental das organizações fomenta práticas que envolvem a relação da empresa com o meio ambiente e com toda a sociedade. Parte da premissa de que zelar pelo meio ambiente é uma responsabilidade de todos: governo, empresas e cidadãos. A cultura organizacional das empresas tem internalizado cada vez mais a responsabilidade socioambiental, e no setor elétrico não tem sido diferente.

As empresas de distribuição de energia elétrica têm adotado práticas em seus processos de gestão que visem contribuir para um mundo melhor para todos, mais sustentável e humano. Neste sentido, a Associação Brasileira de Distribuidoras de Energia Elétrica, a Abradee, realiza há duas décadas o Prêmio Abradee, em parceria com o Instituto Ethos, o Instituto Innovare de Pesquisa, a Fundação Nacional da Qualidade (FNQ) e com a Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (FIPE).

A iniciativa que está em sua 21ª edição, tem como objetivo fomentar e incentivar as melhores práticas entre as empresas de distribuição de energia, na busca permanente pela melhoria da qualidade na prestação do serviço público de energia elétrica à sociedade brasileira.

O Prêmio Abradee é elaborado por meio de apuração de dados ao longo do último ano, com a colaboração das concessionárias associadas. As dimensões de avaliação são: Satisfação do Cliente; Responsabilidade Socioambiental; Gestão Operacional; Qualidade da Gestão e Gestão Econômico-Financeira.

Em recente entrevista, a diretora-adjunta de Gestão para o Desenvolvimento Sustentável do Instituto Ethos, Ana Lúcia de Melo Custódio, falou da constante evolução pelo qual as empresas de distribuição de energia têm passado nessa área. Ela afirma que essas empresas encontram soluções de sustentabilidade que se tornam referências para outras empresas, inclusive de outros setores.

Nesta edição do Prêmio Abradee duas distribuidoras brasileiras foram premiadas por suas boas práticas de Responsabilidade Socioambiental, a CPFL Santa Cruz e RGE. Segundo o presidente do conselho da RGE, Luiz Henrique Ferreira, as empresas estão muito preocupadas com a responsabilidade socioambiental pelo fato não só da preservação do meio ambiente, mas também das condições sociais sustentáveis para que a empresa possa existir em um ambiente cada vez mais sustentável e seguro.

Conteúdo Relacionado

A cultura e a escola formam um binômio potente para a criação de uma nova
O desenvolvimento tecnológico tem ampliado a eficiência e garantido a expansão das fontes de energia
Chamado de Energia do Futuro, o projeto da Neoenergia implantará o sistema DSO (Distribution System
É um fato continuamente observado que as empresas do setor de distribuição de energia elétrica,
Eficiência energética e Sustentabilidade são as linhas de atuação dos projetos das empresas Neoenergia, Enel